BipMe.tv A sua TV na hora certa!

imagem2
Está no ar o BipMe.tv.
O site é um guia de TV com muita informação e serviços extras, bem diferente dos guias convencionais, e é resultado da pesquisa feita aqui no blog, sobre os hábitos de TV.
Vídeos sobre os programas, comentários do editor, comentários da rede social e ainda, o serviço mais simples e direto de alerta sobre a exibição.
Bip Me TV, você escolhe o programa que quer assistir e a TV “bipa” você. Pode-se chegar no programa navegando pela grade, pela busca, ou pela sua rede social, conferindo o quê o seus amigos estão assistindo também.
Chegando no programa, você pode assistir aos vídeos mais importantes sobre ele para conferir se é mesmo aquilo que você procurava, assistir o episódio da série ali mesmo, se o canal disponibiliza na web, assistir ao trailer do filme…e ainda porde dar uma olhada nos comentários da rede social, pra saber o quê as pessoas estão falando sobre o programa.
Escolhido o programa, é só “bipar”, clicando no botão BIPME, e programar o alerta que você receberá no email ou no celular na hora em que o programa for passar na TV.
Você pode programar o alerta com até 5 dias de antecedência, ou seja, você buscou um tema, ex: “futebol” no campo de busca, o site trouxe vários resultados, você escolhe aquele jogo que vai passar na semana que vem, e esquece, ou melhor, não esquece, porque o BipMe vai lembrar você.
O site está em Beta, e tem um promocode ativo pra utilizar até 10 SMS e emails ilimitados de graça.
Crie o seu perfil, logue no sistema e depois insira o promocode BLT283
Lembrando que se você tem um smartphone(blackberry’s, iphone’s…) o serviço funciona por email e é gratuito, eternamente!!!

Twitter joga a toalha do altruísmo


Acabei de receber aqui comunicação oficial de Biz Stone, fundador do twitter, jogando a toalha na sua política de atualizações via SMS gratuitamente para usuários fora dos três países, Estados Unidos, Índia e Canadá, nos quais eles possuem acordos com as operadoras. Ele alega que cada usuário internacional estava custando 1000 dólares por ano.
Me sugeriu receber as minhas atualizações através de algumas opções de acesso via browser de celular, email em celular ou o meu caso atual, twitterific para iPhone.
No Marketing tradicional, isso seria um suicídio. Conceder um benefício gratuitamente em depois ter que retirá-lo do consumidor.
O twitter é um caso as parte. Rompeu barreiras em conquistou o mundo rapidamente com a sua simplicidade.
É uma notícia ruim, mas acho que o twitter sobrevive. Ele já caiu no gosto do povo da web.
Também serve como alerta que o modelo do capitalismo Free ainda não é uma realidade. Alguém sempre paga a conta…